"Lembre-se de que tudo o que estou oferecendo é a verdade, nada mais"

Eu Sou Eu, Eu Sou Livre!

Parte 4

Por Rui Fragassi

Baseado no livro "I am me, I am Free: The Robots' Guide to Freedom" de David Icke

Não estou pregando liberdade sexual para todos, pois quando temos atividade sexual nós, em maior ou menor escala, acabamos incorporando as energias da outra pessoa. Nós absorvemos, vibratoriamente, parte dessas pessoas, a sua essência verdadeira. Com quem fazemos amor tem conseqüências para ambos os parceiros muito tempo após esse evento. Tudo que estou dizendo é que não é certo ou errado fazer amor com mais de uma pessoa. É apenas uma experiência ao longo do caminho para encontrar o êxtase sexual-espiritual. Uma vez que você tenha experimentado isso, você pode passar o resto de sua vida com essa pessoa e nunca necessitar uma união sexual com outra pessoa. Não existe normas, apenas experiências no caminho da Unicidade. Cada pessoa é diferente e precisa experimentar coisas diferentes.

O sexo cósmico te deixa tinindo de energia, ao invés de cançado, e isto é transmitido para cada célula do seu corpo, estimulando-as para vibrarem mais rápido e assim nos fazer sentir "vivificado". Existirá um ganho de energia, ao invés de uma perda. Isto nos provê com mais energia criativa que pode ser expressa em outras áreas de nossas vidas.

 

Para alcançar estes níveis cósmicos do sexo, nós precisamos parar de tentar com empenho excessivo. O sexo, como tudo, se tornou uma competição, um concurso, um símbolo de nossa feminilidade e masculinidade. Isto trouxe mais medo à experiência sexual porque cada parceiro fica tentando "desempenhar-se" para o outro. O correto não é fazer algo, mas ser algo. Se você relaxar e apenas ser você, sem tentar fazer ou conseguir nada, você começa a deixar ir embora as respostas programadas do que é o sexo ou do que não é. Se você não focar sua mente no objetivo final [ejaculação e orgasmo], você entra em estados relaxados atemporais de alta consciência por períodos mais longos. Você pode apenas desfrutar cada momento do seu maior potencial se você tirar sua cabeça do passado e do futuro. Ejaculação e orgasmo estão no futuro e se isso está na sua cabeça desde o início, você acaba perdendo o poder de cada momento. O sexo não deve ser um show em um palco, ele é uma experiência única cada vez que é praticado, se você permiti-lo ao invés de atuar na forma do roteiro fornecido pela religião, pelos tablóides sensacionalistas e pelos rapazes do bar.

As tentativas de diminuir nossa sexualidade incluem inclusive o mito e a manipulação chamada de Aids. As histórias aterrorizantes sobre a Aids criaram medos tremendos sobre o sexo. Nos é contado que o vírus HIV causa a destruição do sistema imune, conhecido como Aids, e que o HIV é transmitido sexualmente. Ambas as afirmações são falsas. O HIV é um vírus fraco e a última coisa que ele faz é destruir um sistema imunológico. Milhares de pessoas morrem de "Aids" não sendo HIV-positivo e milhões que são HIV-positivos por 10 anos estão ainda com saúde perfeita. Os números associados à Aids tem sido manipulados! Se você morre, digamos, de tuberculose e você é HIV-positivo, dizem que você morreu de Aids. Se você morre de tuberculose e você não é HIV-positivo, e dito que você morreu de tuberculose. Os mitos e as mentiras são construídos já na fase de diagnóstico.

O Dr. Robert Gallo, o homem que disse que HIV causa Aids, já foi acusado de má conduta científica e dois de seus assistentes foram acusados de ofensas criminais. Gallo patenteou o teste de anticorpos do HIV e ele obtém um royalty por cada teste feito. E esse é um outro ponto. Eles não testam para achar o vírus HIV, apenas para achar os anticorpos que o sistema imune produz para combater o vírus! A Aids possui muitas causas, mas o HIV não é nenhuma delas. Qualquer coisa que arrebenta o sistema imune causa Aids e isso inclui drogas recreacionais e os remédios, como o AZT, usados para "combater" o HIV, um vírus que não causa Aids! É tudo uma trapaça que tornou-se um bomba temporal para nossa atitude sobre a sexualidade.

 

A razão para a evolução espiritual da humanidade acontecer muito mais lentamente do que ela poderia ser, é que nós negamos a nós mesmos e aos outros o direito de experimentar. O caminho da evolução é muito simples: experimentação, aprendizado, evolução. As regras e regulamentos, os pode e não pode, deve e não deve, impostos por séculos pelas religiões e outros controladores do pensamento, estreitou enormemente a profundidade da experiência que somos permitidos ter antes de encontrar a resistência do ridículo e da condenação. Acabamos nos atendo a modos de vida e atitudes que não nos trazem novas experiências porque nós fomos condicionados a ter medo de experimentar. A vida torna-se uma série de repetições tediosas e é esta mesma repetição de pensamento e de comportamento que nos faz tão fácil de sermos controlados. A visão da sociedade ocidental sobre o sexo é o mais potente exemplo disto. Uma vez que você obtém um certificado de casamento, você supostamente não poderá ter qualquer experiência sexual com qualquer pessoa, a não ser seu/sua parceiro(a) oficial.

É bom lembrar que tudo é um e um é tudo. Quando fazemos amor com um outro ser humano nós estamos, na realidade, fazendo amor com uma parte de nós mesmos. Quando atingimos o estágio de orgasmo multichacra cósmico, nós estamos fazendo amor com o universo, com a Criação, com tudo que existe, e nós estaremos disponibilizando mais energia criativa para todos usarem e se beneficiarem.

 

A moralidade sempre está relacionada a limitação e hipocrisia. Moralmente você não pode. Ela nega um direito humano básico - o direito de experimentar e ser quem e o que nós unicamente somos. A moralidade estabelece o ponto de vista de outra pessoa como deve ser o ser humano perfeito e exige que todos se conforme a isso. Como ninguém se encaixa nessas condições deste humano "perfeito" (inclusive, quase sempre especificamente, o moralista que especificou as condições), todos acabam ficando negando seus sentimentos verdadeiros e se sentindo culpados por não ficarem em conformidade com as regras morais. Como a sociedade condena qualquer um que fique abaixo dos padrões estabelecidos pelos moralistas, as pessoas acabam colocando máscaras e tentando fingir que elas estão vivendo vidas "morais", mesmo quando elas não estão. Este é um mundo de negação, medo, mentiras, hipocrisias e segredos. E não precisa ser assim. Isto apenas acontece porque nós tememos o que as outras pessoas pensam de nós e o que as outras pessoas pensam de nós está condicionado por uns poucos que decidem os chamados "padrões de conduta".

 

Voltemos novamente às Zonas Livres de Controvérsia. Quem são os moralistas que nos dizem o que podemos e não podemos experimentar? Das minhas observações, eles são pessoas com graves problemas emocionais e, ironicamente, desajustados nos tópicos em que pregam sua moralidade. Quando você suprime algo, isso passa a ter uma importância muito maior. Quando você deseja perder peso, a comida fica na sua cabeça muito mais tempo do que quando você está comendo as coisas que você escolhe. A negação sempre estimula uma obsessão com aquilo que você está negando. Ao invés da energia fluir através de você de uma forma natural e harmônica, como quando você permite a você mesmo ir nesse fluxo, ela se recicla e acaba ficando no centro de seus pensamentos. Se você procurar negar seus sentimentos sexuais, você irá ficar pensando em sexo muito mais tempo do que se você deixasse fluir seus sentimentos. Os moralistas que procuram suprimir seus próprios sentimentos sexuais, por causa do medo e da culpa, acabam tornando-se obsecados com a atividade sexual dos outros. São aqueles que dizem: "Este filme de sexo é um ultraje moral e eu sei do que falo: eu já vi esse filme cinco vezes". A negação de suas próprias sexualidades os fazem obsecados por sexo. Estes são os guardiões da moral de nossa sociedade, que nos dizem o que pensar e procuram ditar o que nós podemos e não podemos fazer, ver e dizer.

 

Nunca tenha medo de experimentar algo se sua intuição, o fluxo de energia dentro de você, está te encaminhando nessa direção. Nós vivemos para sempre. Somos imortais. Que é uma experiência? Se você não gostar dela e ela não funcionar para você, você irá aprender com a experiência e irá evoluir. Se você gostar dela e ela funcionar para você, você também irá aprender com a experiência e irá evoluir. Novamente, uma experiência não é boa ou má, ela apenas é. Uma coisa é certa, quanto mais você nega a si mesmo as experiências para a qual seu ser interno está te levando, mais tumulto você irá sentir quando o conflito entranha em sua psiqué e mais tempo irá levar para você alcançar os níveis mais altos de compreensão.

Tirando a própria vida, nada é para sempre e nada é para nunca. Tudo está aí para se experimentar no caminho para a Unicidade. Tudo na Criação está em constante movimento, cada expressão da energia está dançando no ritmo impermanente da vida. Se desejarmos permanecer imóveis e tornar nossas vidas e atitudes em padrões concretos de pensamento e previsibilidade rígida, nós estaremos na realidade tentando permanecer parados em um vasto rio que flui e logo isso irá se transformar em uma grande onda, pois as vibrações continuarão a se acelerar. Nós procuramos ser cascas de ovo estáticas enquanto estamos rodeados pro um mar vibracional de movimento e fluxo. Não é de se admirar que a vida seja uma batalha mental, emocional e física nessas circunstâncias. Você está literalmente usando toda sua energia apenas para permanecer parado!! Mas, ou você aceita de bom grado e celebra a experiência, ou você a nega, isso na realidade não importa. De qualquer modo, você sempre irá chegar lá, no final. A negação apenas significa que vai tomar mais tempo e irá causar para você um alto grau de tumulto emocional que você poderia evitar se você permitisse, ao invés de negar, seus sentimentos. O ponto que estou enfatizando é que nós devemos ter o direito, sem pressão, sem ridicularização e sem condenação, de fazer nossas próprias escolhas sobre aquilo que experimentamos sem um moralista que-sabe-tudo ditar aquilo que nós podemos e que não podemos fazer.

 

A Criação consiste de um mar de relacionamentos. A Criação é relacionamentos, relacionamentos entre átomos, elétrons, estados vibracionais, pessoas, comunidades, países, estrelas, planetas, galáxias, etc. Existem também relacionamentos, geralmente esquecidos, entre pessoas e o resto da família terrena, como as árvores, flores, ar, água, animais, insetos e o espírito da Mãe Terra. Muitos desses relacionamentos acabaram ficando baseados na dominação, ao invés do amor. Pode ser um homem dominando sua esposa ou parceira (ou vice-versa), para impor seus pontos de vista e suas crenças no relacionamento, ou a humanidade procurando dominar os animais e o mundo natural; o que vemos é um "lado" de um relacionamento procurando modificar e moldar o outro para se ajustar aos seus pontos de vista de como as coisas devem ser.

Quando paramos de abusar de nós mesmos, nós pararemos de abusar do planeta. O casamento e o companherismo, em geral, acabou tornando-se uma prisão de imposição e de negação. A insegurança de um parceiro, algumas vezes dos dois, leva a desejar preservar seu senso equivocado de segurança, ditando os termos do relacionamento com o outro. Isto leva a um "amor" que diz: Eu amo você se você se ajustar àquilo que eu acredito que você deveria ser. Isto está a anos luz de: Eu amo você independente do que você diz, faz ou pensa.

Amor é desejar o que é melhor para o outro, mesmo que seja algo que não desejamos que aconteça, do nosso próprio ponto de vista. Amor, na sua forma mais pura, pode também consistir no recuo emocional e na permissão de que alguém passe por uma experiência negativa ao invés de protegê-la de uma oportunidade de aprendizagem, que irá acelerar sua compreensão da vida e de si mesma. O maior amor que alguém pode ter por outro é deixá-lo ir embora, se isso é o que é melhor para ele/a, nas suas jornadas de evolução através da experiência. Certamente é permití-las, sem julgamento ou retirada de seu amor, experimentar o que elas precisam experimentar para acelerar suas jornadas para a Unicidade. O amor verdadeiro é amar alguém tão completamente que nada que elas possam fazer poderá destruir a maneira que você sente a respeito delas. Em geral, nós desejamos impor a nossa marca nos outros, e apenas quando as pessoas se ajustam a isso é que nós as amamos, ou melhor, nós pensamos que as amamos.

 

Os relacionamentos têm sido réplicas do medo e da insegurança que têm atolado a psiqué humana por milhares da anos. Esta insegurança levou ao casamento prisão e à submissão à vontade do outro por medo de o perder. O casamento e os relacionamentos também se transformaram em Zonas Livre de Embaraço. Nós temos medo de ficarmos sozinhos se nós expressarmos nossa individualidade única porque nos falta auto estima e auto segurança. Nós perdemos nossa "integridade" [wholeness] porque nós desligamos nosso ser multidimensional. Os relacionamentos, como o casamento, têm consistido em duas "partes" que procuram formar um conjunto integral. O macho procura balancear a si em um relacionamento com uma fêmea, ao invés de balancear sua harmonia masculina-feminina acessando o feminino dentro de sua própria psiqué. O homem macho nega sua polaridade feminina e procura por essa polaridade em uma mulher. Isto tem criado relacionamentos que sufocam e aprisionam ao invés de liberar, porque o companheirismo torna-se uma entidade na qual as duas partes batalham pela dominação ou se submetem à dominação. O mesmo se aplica à mulher que procura sua polaridade masculina em um homem, ao invés de dentro de si.

Os relacionamentos irão passar por grandes transformações. Uma vez que tenhamos evoluído para a integridade, equilíbrio e completude, não existe forma de nós aceitarmos a imposição sobre nós da marca do outro. A integridade celebra sua individualidade única e recusa ser um clone de outro.

Eu ouço as pessoas falarem sobre a necessidade do amor incondicional e elas inclusive fazem palestras de como isto é importante. Mas elas não vivem isso em si mesmas. Seu amor pessoal é ainda condicional ao outro se conformar com a sua marca.

Amor incondicional é um estado de ser que irá transformar o mundo. Mas apenas se nós pararmos de apenas falar sobre ele e começarmos a viver o que nós dizemos. Igualmente vital, ele apenas irá acontecer se nós permitirmos todos viverem o amor incondicional, sem moralizações ou procurando apavorar e embaraçá-los para se conformarem ao comportamento de um outro.

 

Chegamos ao grande destruidor de relacionamentos e o principal criador de sofrimento emocional: as espectativas. Nós passamos nossas vidas pensando que nós estamos vivendo no presente, quando na verdade nós estamos vivendo no passado e no futuro. Existem aqueles que acreditam que o passado, presente e futuro estão acontecendo ao mesmo tempo e eu concordo com isso, mas eles estão acontecendo em vibrações diferentes. Nós precisamos decidir em qual dessas vibrações nós desejamos ocupar. Nós vivemos no passado por causa da culpa e ressentimento em que nos mantemos e nós vivemos no futuro porque temos medo do que está por vir. As espectativas também nos mantém, mentalmente e emocionalmente, no futuro. O tempo todo nós temos espectativas sobre o que vai acontecer, como uma pessoa vai se comportar, o que eles irão fazer e dizer. E então, quando aquela pessoa não reage da forma que nós esperávamos, nós ficamos desapontados. É a pessoa que cria as espectativas que cria o desapontamento subseqüentes. Este desapontamento é causado por alguém não se comportando de acordo com as espectativas criadas por outra pessoa. Se não existissem espectativas, não haveria desapontamentos. E sem espectativas nós acabamos vivendo no presente, não no futuro, e nós gozamos cada momento como ele acontece, sem destruir aquele prazer com o desapontamento das espectativas não realizadas. Espectativas = desapontamento. Não espectativa = viver cada momento naquele momento.

Se você entra em um relacionamento com espectativas, sexuais ou outras, você quase certamente irá ficar desapontado porque as pessoas não são clones de nossas espectativas delas. Por que elas deveriam ser? Que arrogância nós exigirmos que as pessoas sejam o que nós esperamos que elas sejam, ao invés de elas expressarem aquilo que elas realmente são. Se nós amarmos alguém incondicionalmente, sem exigir que elas preencham nossas expectativas, o relacionamento toma uma dimensão totalmente nova e torna-se muito mais estável e permanente. Medo da alternativa é o que mantém a maioria dos relacionamentos entre pessoas. No entanto, o medo irá diminuir ao trilharmos o caminho em direção à integridade e à Unicidade, o que deverá aumentar o número de rompimentos de casamentos.

Um dos grandes obstáculos para nos expressarmos de forma verdadeira é o desejo de não magoar alguém. Nós suprimimos nossos sentimentos porque nós desejamos evitar a ferida emocional que nós sabemos que nossas ações podem causar. Isto é aplicável a relacionamentos de qualquer tipo. Suprimir nossa situação única com uma torrente de regras, regulações e certezas morais absolutas é suposto proteger a sociedade da violência e do crime quando, de fato, isto está causando-os.

 

O ponto básico é este: é a sua intenção magoar alguém? Não, claro que não. Você está apenas sendo você e indo para onde o seu coração o está levando. Se você suprime isso você está permitindo que sua vida seja controlada pelas atitudes de outra pessoa e não por você próprio. Você torna-se um fantoche nas cordas das crenças e emoções de uma outra pessoa.

Como nós atraímos para nós aquilo que mais tememos, se nós não deixarmos o medo de perder alguém ir embora, nós iremos perder essa pessoa. A única pessoa que nos pune é nós mesmos. Destravando nossa dependência emocional de outra pessoa ou estilo de vida, é parar de tomar para si os problemas de outras pessoas.

"Suma da minha frente, eu estou tendo um péssimo dia... não tome isso como algo pessoal." Não tome como algo pessoal. Nunca é pessoal. É sempre alguém lidando com seu próprio lixo emocional que muito longe de se relacionar diretamente com você, pode ir a milhares de anos atrás. Você é apenas o gatilho para aquela emoção suprimida e os outros são os gatilhos para você. Independente de como as pessoas se comportam com relação a nós ou com outra pessoa, apenas as amem. Quanto mais negativas elas agem, mais amor elas estão pedindo. Nós não precisamos aprovar suas ações para as amar. Mas o que nós fazemos? Nós damos nosso amor para aquelas que se conformam com nossa marca, nossas expectativas, e negamos o amor para aquelas pessoas que não se comportam dessa forma. Como quase ninguém se conforma à nossa marca, nós verdadeiramente não amamos quase ninguém, geralmente ninguém. Como os outros insistem que nós nos conformemos às suas marcas, quase ninguém, geralmente ninguém, verdadeiramente nos ama. Esta é a razão porque o mundo está tão carente de amor. Amor é amar sem condições de qualquer espécie. Amor nunca deve envolver possessão e ser dono da mente, corpo, emoção ou espírito de uma outra pessoa.

"O verdadeiro amor não dá sempre o que o receptor gostaria de receber, mas ele irá sempre dar aquilo que é melhor ao receptor. Portanto agradeça tudo que você receber, goste você disso ou não. Pondere sobre tudo que você não gosta e veja se você vê o porque isso foi necessário. A aceitação então irá se tornar muito mais fácil."

O amor deve se tornar independente emocionalmente da outra pessoa até o ponto onde você pode ajudar as pessoas experimentarem o que elas precisam experimentar para acelerar suas evoluções à Unicidade. O que temos chamado de 'amor' neste mundo tem sido freqüentemente o oposto dessa definição. Ele tem procurado negar experiências, não as encorajando; possuir, e não liberar; esperar, e não respeitar. Uma reavaliação do amor está emergindo para levar embora as limitações e nos lançar para o ilimitado. Afinal de contas, aqueles limites são feitos por nós mesmos. Se nós não os tivéssemos criados, eles não poderiam existir.

Eu acredito que as pessoas podem amar mais de uma pessoa, mesmo fisicamente, em uma dada época e que a energia chamada amor não possui limites. O fluxo de amor nunca se esgota. O amor está disponível sempre que nós escolhermos. É apenas uma escolha.

O abuso e a negação do amor e de sua expressão física tem feito danos sérios à evolução humana. Ele tem suprimido e desequilibrado a kundalini e, fazendo isso, ele tem nos desligado de nosso verdadeiro potencial sexual, intelectual, emocional e espiritual. O desequilíbrio, o poder descontrolado da kundalini, causado por medo, culpa e negação, tem também levado ao abuso sexual, agressão, ódio, suicídio, conflitos internos e guerras globais. É como tentar parar o fluxo da água pressionando seu polegar contra a boca da torneira. A água esparrama-se para todos os lugares, fora de controle. É isto que ocorre, simbolicamente, com a kundalini quando você tenta segurar seu fluxo natural, dado por Deus. Isto tem atrapalhado a psique humana quando, se permitida fluir naturalmente e sem obstáculos emocionais, a kundalini tem o potencial de nos levar para casa, para a Unicidade multidimensional. Relaxe. O que você é e o que você faz não precisa de desculpas. Apenas quando nós crescermos como raça humana, e pararmos de ditar para os outros o que devemos ser, fazer, dizer e experimentar, iremos começar a relaxar entre nós mesmos e teremos a paz interior para permitir à kundalini fazer seu trabalho sem medo das experiências que ela irá trazer.

E nós podemos crescer agora, hoje, neste segundo. Como tudo o mais, é apenas uma escolha.

 

 

 

 

O Passado Acabou - Adeus

 

Desejamos fortemente voltar novamente para a Unicidade que está no fundo de nossa consciência, uma memória que torna muito mais doloroso e frustrante o mundo que observamos hoje. Nos voltamos às drogas e às bebidas para estancar esta dor e para escapar do tumulto emocional que a separação criou. Nós temos um lar para ir e ele é chamado paraíso. Atualmente, as terceira e quarta dimensões da consciência estão se juntando na quinta dimensão.

O corpo humano é uma matriz e as linhas de energia da matriz corporal constitui a base da arte antiga de cura chamada acunpuntura. Quando uma matriz muda, tudo dentro dela muda, e a nossa matriz está mudando... agora!

A matriz é a mente coletiva de tudo que existe em cada dimensão e portanto ela está presente em cada nível. A matriz da Terra, por exemplo, é a mente coletiva de tudo que existe neste planeta. É a mente coletiva da humanidade. Nossos pensamentos são absorvidos pelo "computador" da matriz e, nesse nível, tudo que já aconteceu na Terra está gravado e armazenado. Isto é uma fonte do que é chamado Registros Akáshicos os quais muitos psíquicos acessam quando eles estão relembrando de eventos passados e de vidas passadas. Eles estão sintonizando suas consciências com a "livraria" vibratória, a matriz, que possui essa informação. Eu acredito que isto pode ser a origem da idéia antiga de que "Deus" registra cada um de nossos movimentos.

 

Essa matriz é também a fonte de informação dos "profetas" e dos psíquicos, antigos e modernos, que conseguem "ver" o futuro. Não é o futuro que será inexoravelmente. É o futuro que irá ser se nós não mudarmos. Cada mente da matriz pega toda a informação disponível, incluindo o comportamento e atitudes humanas atuais, e a projeta para a frente dizendo como o futuro irá ficar mantida a tendência atual. Este é o "futuro" que pessoas tais como Nostradamus e outras entraram em contato. Ele existe como um campo de pensamentos criado por uma mente da matriz. O futuro não está gravado em concreto. Se nós mudarmos, ele muda, porque nós criamos a realidade futura assim como nós criamos nossa realidade presente. Nossos pensamentos e atitudes estão afetando a matriz da Terra e, através disso, afetando os pensamentos e as atitudes de todos que estão conectados com a matriz - todos nós. Os pesquisadores já documentaram a "síndrome do centésimo macaco" a qual está muito relacionada com a estrutura da matriz. Eles mostraram que uma vez que um certo número de membros de uma espécie foi ensinado algo novo, de repente todos ou quase todos daquela espécie pode fazer o mesmo, puramente por "inspiração", e sem ter sido mostrado. Isto aparenta ser um mistério, mas não é. Eles estão apenas sintonizando-se com a matriz, a mente coletiva.

Este processo pode também nos afetar de forma negativa, obviamente, e a matriz da Terra tornou-se um prisão de pensamento programado desequilibrado. A matriz da Terra já vem de longa data sendo dominada pela mentalidade de rebanho. Isto pode se auto-perpetuar porque a matriz absorve esta mentalidade e então alimenta estas atitudes de volta para a raça humana. Como podemos mudar o mundo? Mudando a nós mesmos.

O que tem acontecido com a raça humana, tem acontecido com a matriz da Terra. A Terra irá liberar suas emoções confinadas da mesma forma como a humanidade está fazendo agora. Amarre-se firme e segura forte! A mudança está batendo no ventilador! Quando a matriz atual da Terra for substituída por uma nova grade durante nosso atual período de vida, nossas mentes irão se expandir rapidamente e nós acharemos muito mais fácil nos conectar com os níveis mais altos da matriz.

 

Atualmente em todo o planeta existem milhões de pessoas que trabalham para mudar o padrão de pensamento da atual matriz da Terra e para introduzir um novo para a nova era da evolução humana. Algumas vezes isto requer ir a certos pontos da superfície da Terra, muitos mas não todos, onde estão os locais considerados sagrados deste a antiguidade. Estes estão localizados nos pontos de chakra e de “acupuntura” da matriz da Terra. Os locais sagrados, como eles são freqüentemente chamados, são pontos da rede de linhas de energia em torno e através do planeta que ficaram conhecidos como linhas ley ou meridianos. A acupuntura tradicional consiste em colocar pequenas agulhas em certos pontos das linhas de energia dos meridianos que circundam o corpo humano. Isto equilibra o fluxo de energia e desta forma nos mantém livres dos desequilíbrios, das doenças. O mesmo princípio básico se aplica para a Terra. Ela possui uma grade de linhas de energia, de acupuntura, e de pontos de chakra, nos quais as pessoas podem colocar “agulhas de acupuntura” e provocar enormes mudanças no equilíbrio e desequilíbrio do fluxo de energia dentro da matriz da Terra. Os manipuladores da quarta dimensão tem inspirado a destruição de muitos pontos importantes da grade com o assentamento de cidades, usinas de energia, estradas e campos de batalha. O Culto ao Olho que Tudo Vê sistematicamente efetua seus rituais de magia negra nesses locais para preenchê-los com energia negativa. Eles sabem que se eles mantiverem baixa a vibração da grade e desequilibrá-la negativamente, isso irá garantir que a humanidade, como um todo, irá operar dentro da faixa de freqüência “satânica”. Isto desvincula as pessoas de seus eus multidimensionais e facilitam que eles sejam fechados, controlados e manipulados. O fluxo desbalanceado de energia tem afetado em grande escala o pensamento da humanidade. As formações de “círculos” nas plantações são criadas por inteligências superiores usando energia magnética e os símbolos traçados freqüentemente estão presentes na antiguidade. Um símbolo, um padrão, é também uma energia, como tudo. Estas formações geralmente surgem sobre as linhas ley e sobre, ou próximo, os pontos de energia da Terra. Eles estão estimulando e inserindo uma potência na grade, a matriz da Terra, e aumentando sua vibração. Além disso, eles dispersam os bloqueios a este fluxo.

 

Os elementos positivos da quarta dimensão e aqueles mais acima, particularmente da quinta, estão trabalhando para coordenar e guiar a transformação da humanidade e da Terra. A nova grade foi criada em uma dimensão mais elevada e ela precisa ser “aterrada” nesta, para substituir a grade velha controlada pelo Culto do Olho que Tudo Vê. A transformação consiste na introdução desta nova matriz. A nova grade foi criada com a energia do coração – amor puro – e ela somente pode ser aterrada pelos seres humanos que vibram dentro desta faixa de freqüência conhecida como amor. Quando as pessoas abrem seus corações e permitem seus amores incondicionais fluírem, eles acoplam-se vibratoriamente a este campo de energia e o “aterram” nesta terceira dimensão, da mesma forma como os raios são aterrados pelas pessoas e pelas árvores. Cada vez mais pessoas tem despertado para seus guiamentos superiores, abrindo seus corações e seguindo suas intuições para os locais de energia, os pontos de acupuntura na superfície da Terra. Elas então permitem a si mesmas para serem usadas como canais para aterrar a nova grade de amor nesses pontos. Com esse progresso – e isto já está bem avançado – o controle da Elite Global sobre o mundo irá cessar de acontecer porque seu poder de fazer isso terá ido embora.

 

Tudo é energia elétrica e magnética. Ocorre apenas que algumas coisas são mais poderosamente elétrica e magnética do que outras. Pesquisa tem mostrado que a grande maioria das círculos e pedras levantadas foram construídos sobre ou muito próximo das falhas na superfície da Terra, o que produz efeitos elétricos e magnéticos particulares. A maioria dos avistamentos de UFOs ocorrem sobre ou muito próximo de círculos de pedra e outros locais sagrados ou linhas ley. Muitas pessoas acreditam que isso é por causa do “combustível” elétrico e magnético que eles provêem para estas naves interdimensionais, mas isso poderia também ser que os efeitos eletromagnéticos das linhas ley e dos pontos de poder aumentam a percepção psíquica e torna mais fácil “ver” aquilo que chamamos UFOs em outras dimensões e freqüências. As rochas, cristais e minerais [petróleo, por exemplo] não estão aonde estão pela saúde deles – eles estão lá para desempenhar seus papeis no equilíbrio do campo de energia da Terra, nosso campo de energia.

 

O amanhecer e o entardecer são ocasiões poderosas por causa de seus efeitos sobre as energias. A lua, especialmente a lua cheia, afeta as pessoas por causa de seu efeito magnético sobre o campo de energia da Terra e sobre a consciência humana. É isso que ocasiona as marés alta e baixa. Uma amiga minha costumava ter fortes dores de cabeça em todas as luas cheias até que ela fez uma conexão. Ela concluiu que sua consciência estava sendo “puxada” para fora de seu corpo pelo efeito do magnetismo da lua cheia. Ela saiu para fora de casa com os pés descalços para fazer um forte conexão magnética com a Terra (sem sola de borracha) e a dor de cabeça desapareceu imediatamente. Quando você toca uma pedra levantada ou qualquer rocha, na verdade qualquer coisa, você está fazendo um contato elétrico e magnético que permite ocorrer uma troca de energia nos dois sentidos. Isto é o que está ocorrendo com as mãos que curam e, obviamente, com o sexo. Pessoas doentes possuem suas potências diminuídas nos seus campos de energia, ao passo que os curadores possuem campos extremamente poderosos. As pessoas aceitam que o relâmpago existe porque eles conseguem vê-lo. Mas isto é meramente um fenômeno eletromagnético que está acontecendo dentro da faixa de freqüência de nossos sentidos físicos. Os fenômenos “paranormais” são apenas o mesmo princípio em ação em freqüências que nossos sentidos físicos geralmente não conseguem ver ou sentir, mas nossos sentidos psíquicos mais elevados podem. O conhecimento de como acessar esta potência eletromagnética infinita de energia gratuita já está disponível, mas a tecnologia está sendo suprimida pela Elite Global que controla a indústria global de combustível fóssil.

 

A presente transformação da consciência humana está sendo inspirada pelas energias introduzidas nos campos elétrico e magnético da Terra - a matriz da Terra. Elas estão aumentando o estado de vibração do campo de energia global. Isto necessariamente afeta a consciência humana porque nós somos parte desse campo e ele também afeta os padrões de clima, etc. , os quais são também uma expressão desse campo. Os elementos positivos das dimensões superiores estão trabalhando com milhões de humanos para fazer essa transformação do campo de energia global da forma mais suave possível. O plano é aumentar a taxa vibratória da Terra até o limite da grade antiga e, em seguida, mudar para a nova. É o mesmo princípio de chavear de um computador para outro. No entanto, a grade antiga está em tal estado que existe uma separação entre as vibrações máximas que ela é capaz de sustentar e os níveis mais baixos da nova grade. No instante de chaveamento existirá um "salto" vibracional rápido através do espaçamento [gap] que poderá enviar ondas de choque através da Terra, muito parecida com a volta rápida da eletricidade em seu sistema elétrico caseiro. Fusíveis podem estourar! Quão grande este salto vibracional será irá depender mais uma vez de nós. Vamos curar a grade com amor ou vamos diminuí-la ainda mais com conflitos? Voltamos ao nosso velho amigo - a escolha.


Falar e pensar a sua verdade é vital para esta transformação. Toda vez que você pensa de forma que desafia os limites, você está transferindo esse conhecimento para a matriz da Terra e dando um outro passo em direção à massa crítica. Quando você fala em público, suas palavras e pensamentos são também absorvidos pela matriz da Terra, permitindo ao público ouvir a informação. Isto pode abrir a mente deles para rejeitar seus sentimentos de limitação e seus pensamentos também se adicionam à massa crítica. Ocorre o mesmo com os livros. O processo torna-se cada vez mais rápido e isto está acontecendo hoje.

 

Quando palavras e pensamentos são criados nos pontos de chakra da rede de linhas ley, eles entram na matriz de forma poderosa e eles passam para todo o planeta na rede de energia global. Dessa forma, palavras ditas em um determinado ponto na Escócia, pode afetar alguém que mora na China. Esse conhecimento torna-se disponível, através da matriz, à pessoa que vive em Pequim. Óbvio que ela não ficará lá acessando cada palavra da conversa, como se estivesse ouvindo o rádio. Será mais na forma de um pensamento "inspirado" ou um questionamento rápido do status quo. Se você simplesmente ficar em pé e projetar pensamentos de amor, como um grupo ou individualmente, o mesmo efeito se aplica. Este é o princípio que permite a telepatia acontecer - a leitura dos campos de pensamento de uma outra pessoa. Quando você pensa em amor em Nova Iorque, você pensa em amor para todo o mundo. Nós somos todos Um.

Dentro de nossa geração, nós iremos alcançar a massa crítica, o momento quando a matriz da Terra - a mente coletiva da humanidade - chaveia da limitação para o infinito, do medo para o amor. Essas energias e mudança na consciência humana estão afetando os padrões de clima global e irá, muito provavelmente, levar a atividades geológicas sem precedentes nos tempos modernos. As terceira e quarta dimensões da consciência estão se juntando e com o avanço da transformação, elas irão se fundir com a quinta dimensão. Esses níveis separados de nós irão se tornar Um e nossa percepção da vida e de nós mesmos estão se encaminhando para uma mudança incrível. Pessoas com atitudes fixas e programadas irão mudar de forma que pareceriam impossível agora. Essa transformação da consciência não tem limites de raça, cor, credo ou faixa de renda. Não irá reconhecer "os escolhidos" ou os "povos escolhidos". Estará disponível para todos e para tudo. Tudo que é necessário é abrir nossas mentes e abrir nossos corações. Em outras palavras, abrir a porta de nossa prisão mental e emocional, arrebentar a casca de ovo à nossa volta, e permitir a entrada das energias que irão nos libertar. Isto significa sair das Zonas de Conforto [livre de constrangimentos, de embaraços], deixando ir embora o medo, a culpa, o ressentimento e o julgamento, e celebrando nosso direito, e de todos os demais, de ser único. Este é uma época de se ficar alegre. Nós estamos indo para casa. Nós estamos retornando para a Unicidade multidimensional e nós estamos sendo levados para o nosso "lar" vibracional no planeta Terra. Isto irá envolver mudanças de residência, inclusive de países, para muitas pessoas, quando a casca de ovo rachar.

Não há necessidade de sentir medo ou entrar em pânico. Você é um aspecto inacreditável da consciência multidimensional. Você é capaz de tudo. As pessoas falam sobre o tempo do apocalipse como se ele fosse apenas sobre morte e destruição. Mas quando você pega a palavra apocalipse da língua grega, de onde ele foi traduzida, ela significa algo bem diferente: divulgação, descobrimento e revelação. O apocalipse geralmente é visto com o temor difundido pelos illuminati. Eles não querem perder seu poder de manipulação, que deverá ser destruído pelo apocalipse. Nós vivemos para sempre e nós aprendemos eternamente. Não há nada a temer.

Ninguém entra em pânico quando o Sol some durante a noite. Nós sabemos que ele irá voltar novamente na manhã seguinte. Ninguém entra em pânico quando as folhas começam a cair na estação do outono, já que sabemos que haverá uma nova primavera...Se entendermos o jogo, nós sabemos onde ele começa e onde ele termina. Devemos deixar um ciclo ir embora, para substituí-lo pelo outro.

 

A humanidade tem tido medo de novas experiências. Ela tem se agarrado aos status quos de todos os tipos, tentando preservar sua segurança pessoal. Preferimos despender grande quantidade de emoção e energia super-colando estas estruturas de palitos, ao invés de deixá-las ruir e usando nossa energia para criar algo melhor. Nós podemos criar o paraíso externamente se nós pudermos encontrar o paraíso dentro de nós mesmos.

Nós procuramos o equilíbrio. Equilíbrio positivo-negativo, equilíbrio masculino-feminino, equilíbrio físico-espiritual. Tudo que nos acarreta desequilíbrio nós estamos sendo desafiados a descarregar. Nós estamos atraindo para nós mesmos experiências que nos dão a oportunidade de enfrentar nossos desequilíbrios e atravessá-los até a harmonia. Isto irá elevar nossa consciência, aumentar nossa taxa vibratória, e nos permitir passar pelo "Portal Quântico" no topo da garrafa simbólica [prisão, matriz]. A enorme limpeza emocional que está ocorrendo é potencialmente catastrófica na vida diária no curto prazo - se continuarmos a acreditar que este filme é "real". Se, no entanto, vermos uns aos outros como atores desempenhando papéis que nos ajudam a vermos a nós mesmos e a descarregarmos a bagagem emocional, este período de limpeza emocional e de re-equilíbrio da consciência irá ser muito menos traumático, porque não iremos acumular mais culpa e ressentimentos com cada nova experiência. Depende apenas de nós. Nós precisamos lembrar que nós não somos nossos lixos emocionais. Nós somos o vaso eterno que tornou-se entupido com lixo emocional.

Para alcançar os níveis vibracionais necessários para passarmos pelo "portal" da garrafa prisional, necessitamos largar os pesos emocionais que está nos mantendo lá embaixo vibracionalmente. Tudo a que estamos ligados emocionalmente, até o ponto em que isso se torna uma muleta, será levado embora até que deixemos ir embora essa dependência. As pessoas com muletas andam com uma perna só e nós não temos tempo para isso. Nós precisamos correr. Se você possui uma ligação emocional com o dinheiro, se ele é seu senso de segurança, é provável que você irá perdê-lo. Se você tem uma ligação emocional com uma pessoa ao ponto que você está dependente emocionalmente delas, é provável que você as irá perdê-las. Você não precisa perder nada ou ninguém que você ama, se você amá-las incondicionalmente e sem dependência emocional. Fique em equilíbrio e em paz com você mesmo. Deixe ir embora a dependência emocional e você não precisará enfrentar a experiência de perder algo ou alguém, porque você já terá aprendido as lições que essas experiências foram projetadas para oferecer.

 

A limpeza também inclui enfrentar cada novo desequilíbrio assim que ele acontece. Isto é o que você pode chamar de carma instantâneo. Não é bom livrar-se de desequilíbrios de séculos e então acrescentar novos hoje. Nesta situação iremos descobrir que aquilo que nós jogamos fora acaba voltando para nós bem depressa para nos permitir enfrentarmos constantemente nossos desequilíbrios e os dispersar. Um aspecto interessante deste mundo denso e separado é que o processo de causa e efeito freqüentemente ocorre muito lentamente. O "carma" de uma ação pode não voltar para a pessoa até uma outra encarnação. Com a aceleração da freqüência, o período entre a causa e o efeito está ficando menor, até que em um certo ponto ele será literalmente instantâneo. O tempo está ficando mais rápido, como mais pessoas têm notado. Se nós não simplificarmos nossas vidas e não termos mais períodos para descançar, nós correremos o risco de entrarmos em combustão. O tempo como o conhecemos neste mundo tridimensional move-se com uma certa velocidade. Ele é uma energia, como todas as coisas. Quão rápido o tempo parece passar depende de como nossa taxa vibratória se compara com a taxa vibratória do "tempo". Se você fica parado em um vento de 80 quilômetros por hora, seu cabelo irá espalhar-se em todas as direções. Mas se você estivesse se movendo na mesma velocidade do vento, tudo à sua volta estaria calmo. Com o aumento das vibrações nesta dimensão, nosso relacionamento com o "tempo" também muda e o tempo parece passar mais depressa. Isso irá tornar-se mais óbvio a cada ano. As mudanças de nossa ralação com o "tempo" irá nos ajudar a sincronizarmos com o seu fluxo natural. Por exemplo, os nossos mantenedores do tempo cósmico natural são os ciclos da Lua, não o relógio do homem. A manipulação e a representação deturpada do tempo tem sido crucial para o desequilíbrio da psiqué humana e seu aprisionamento na realidade da terceira dimensão. O ciclo da natureza e do cosmos relaciona-se com os 13 ciclos da Lua, cada um durando 28 dias. Esses 13 ciclos da Lua constituem o ano natural. Este é o fluxo verdadeiro do tempo e você pode ver isso no ciclo menstrual de 28 dias da mulher. Mas então em 1572 vem o édito do Papa Gregório que introduziu o calendário gregoriano com seu ano ilógico de 12 meses desiguais, baseado no Sol (masculino) e não na Lua (feminino). Este sistema de 12 meses, 60 minutos e 60 segundos remonta ao antigo Egito e à Babilônia e ele se tornou aceito como medida de "tempo" em todo o mundo. O problema é que ele está fora de sincronismo com o tempo natural, o tempo cósmico, e como nós sintonizamos nossas mentes com esse sistema gregoriano, nós ficamos fora de sincronismo com o ritmo da natureza. Isto nos desligou da natureza e nos travou no ritmo fabricado do materialismo. Não é de se espantar, portanto, que nós tratemos do ambiente como nós fazemos. Nós estamos desligados da natureza. Nós precisamos urgentemente nos resintonizarmos com o ciclo de 13 luas e 28 dias, especialmente os homens que não possuem o ritmo menstrual para os ajudar. Quando nós aumentarmos nossa velocidade vibratória durante o deslocamento da consciência, nós iremos eventualmente passar através do tempo como ele é medido no mundo de três dimensões e entraremos no tempo natural ou na sensação de ausência de tempo. Este é o estado que as pessoas acessam durante a meditação e em outros momentos quietos de devaneio, quando a mente consciente está aquietada.

 

Outro aspecto do salto quântico é que mais pessoas estão liberando seus sentidos psíquicos. Para a maioria das pessoas eles estiveram fechados pelo medo e pelo ridículo constante e pela condenação secular pela religião e pela "ciência" dos poderes psíquicos. A última coisa que os manipuladores da quarta dimensão desejam para a humanidade é que ela fique ciente, em massa, do nosso potencial multidimensional. Nos persoadir para desligarmos nossos canais psíquicos foi essencial para conseguir isso. Estórias de espíritos maus, demônios e bruxas foram planejadas para nos assustar e para negarmos nossa habilidade de comunicarmos com outros níveis e dimensões. É verdade que algumas consciências muito desviadas existem em freqüências próximas à nossa, que é o motivo da baixa qualidade de algumas informações "canalizadas" e de tentativas de manipulação. A magia negra, o vudu, etc. domaram estes níveis altamente desbalanceados de energias negativamente dominadas. Mas estes níveis também estão sendo limpos pelo salto quântico e se você puder elevar sua consciência além dessa freqüência, você pode começar a acessar conhecimentos e informações que permitem uma visão muito maior da natureza da vida e do que está acontecendo por aqui. Em nosso estado natural, nós deveríamos nos comunicar com outros níveis e dimensões. Foi quando nós fechamos esses canais que nós entramos na célula de prisão vibracional e o movimento da população para as grandes cidades com tecnologia eletromagnética que polui o campo de energia magnética da Terra tornou essa conexão ainda mais difícil. De onde vêm os conhecimentos inspirados que nos leva a certas descobertas e invenções? Nós os canalizamos dos níveis mais elevados. Nós somos canais psíquicos, saibamos disso ou não. A única questão é: qual nível de consciência pode acessar nossos sentidos psíquicos?

Com o deslocamento da consciência, as pessoas irão ver, ouvir e sentir outros níveis além do físico; iremos nos divertir com sonhos vívidos de nossas jornadas noturnas para outras dimensões da consciência que iremos relembrar claramente e nós sentiremos que isso irá ocorrer, antes de isso ocorrer; veremos cada vez mais UFOs e atividades extraterrestres e espantosas formações nas lavouras, quando nossa dimensão se fundir com a deles. As barreiras vibracionais entre as outras dimensões e esta estão se dispersando rapidamente e muito conhecimento está chegando nesta realidade tridimensional através de nossos canais psíquicos. Mas, como tudo, é importante não aceitar todas as informações, psíquica ou não, como elas se apresentam. Elas parecem corretas e fazem sentido para você? Não? Então as rejeite, qualquer que seja a fonte, e isso também inclui o que você está lendo aqui.

A re-emergência do feminino para equilibrar o excesso de masculino está no coração desta transformação e no estabelecimento do equilíbrio. O lado esquerdo do cérebro manifesta o aspecto masculino "racional" de nós. Em contraste, o cérebro direito manifesta nossa intuição feminina, os níveis psíquicos. O cérebro direito representa o Eu Sou Eu, Eu Sou Livre, e o cérebro esquerdo é o lar do "Oh, Meu Deus!". É o equilíbrio entre masculino e feminino que nós devemos procurar, dentro de nós mesmos e no mundo lá fora. O homem "macho" irá se tornar uma relíquia da história, uma peça de museu. Um futuro muito melhor espera por você, como uma pessoa integral. Diferente, sim, porém melhor.

 

As divisões no mundo podem parecer que estão aumentando ao invés de diminuindo, mas isto é a crise de cura - o despedaçamento do velho para que o novo possa emergir. O velho foi criado por um padrão de pensamento que usou a mentalidade de rebanho. O novo padrão de pensamento está se preparando para vencer - aquele que acredita na liberdade, liberdade verdadeira, para todos e por todos. O seu reflexo físico será dramaticamente diferente do que nós observamos hoje. A transição entre o velho e o novo irá nos parecer o caos. Mas o que irá resultar no final, em um mundo de liberdade verdadeira, será tudo menos o caos.

Ao rompermos nossa casca de ovo de pensamento condicionado, percepção e respostas, irá aflorar nossa intuição. A intuição vem a nós de níveis de consciência fora das limitações do "Oh, meu Deus!". Quando atuamos com nossa intuição, nós nos movemos para além do pensamento e com a nossa sensação. Vamos além da mente - saímos de nossas cabeças e entramos em nossos corações. Diferentemente dos nossos pensamentos, iremos freqüentemente achar impossível descrever o que sentimos em meras palavras. É um conhecimento, uma sensitividade fora da alçada da linguagem humana. É dito que as mulheres são mais intuitivas que os homens. Isto ocorre porque as mulheres estão trabalhando mais com a energia feminina, a energia intuitiva, mas quando os homens se equilibrarem e se conectarem com seu lado feminino, eles, também, possuem um potencial igual para a intuição. Não é a forma do corpo, mas a natureza da energia que decide quão intuitivos nós somos. O futuro não será um caos, ele será um ordenamento fascinante, mas de uma forma imprevisível. A vida cessará de ser um penar e começará a se tornar uma aventura diária. Estaremos sempre no lugar certo, no momento certo, com as pessoas certas, fazendo o que precisamos fazer naquele momento. Pode não ser sempre o que nós queremos fazer, mas será sempre o que nós precisamos fazer.

O exposto aqui são as barreiras mental e emocional que não permite nosso nível de consciência desfrutar a conexão natural e poderosa com o eu multidimensional e infinito. Quando essa conexão acontecer, você não precisará mais do guiamento e conselhos daqueles presentes no mundo físico denso. Você irá obter tudo que precisar das dimensões mais elevadas de você mesmo - dimensões que operam bem além das ilusões do físico. Somos todos únicos. O que eu preciso não é necessariamente aquilo que você precisa. Quem sabe o que é melhor para nós é...nós, os níveis mais altos de guiamento em nós. Ao nos conformarmos através do medo, nós sofremos uma dor emocional e um desespero mental que são acionados pela batalha diária para suprimir quem e o que nós realmente somos. Quem vai se importar quando você fizer sua transição de um robô para um rebelde? Não importa o que eles vão pensar de você. O que importa é o que você pensa de você. Você vai deixar sua vida ser governada pelos pontos de vista da ovelha que meramente absorve as opiniões programadas da outra ovelha e vai aceitá-las como suas? Ou você vai se libertar e escapar totalmente da manada? Esta é a escolha que o infinito está desafiando você a fazer.

Vamos respeitar nosso próprio direito de sermos únicos e expressemos esta condição de sermos únicos; vamos respeitar o direito dos outros de expressarem sua unicidade, livres da ridicularização e da condenação; e vamos nunca procurar impor o que nós acreditamos em qualquer outra pessoa. Esta filosofia simples irá transformar a sua vida e a vida neste planeta.

Se respeitarmos nosso próprio direito de sermos únicos, nós cessaremos de ser um escravo dos comportamentos e pensamentos impostos. Se nós respeitarmos o direito de todos de ter essa mesma liberdade, nós cessaremos de ser a força policial desses outros escravos. Com isso, a manada e a manipulação da manada já eram. Precisamos lembrar de quem somos. Não somos nossos empregos e você não é a sua raça. Você não é um varredor de rua, um piloto de avião ou uma "dona de casa". Você não é um árabe ou um judeu. Você não é um europeu, um alemão ou um asiático. Você não é inclusive seus pensamentos. Você é o silêncio entre dois pensamentos, o silêncio do qual os pensamentos são gerados. Você é um aspecto único de uma consciência em evolução. Faça suas malas, abra seu coração e vamos embora daqui.

Vamos lá galera. Nós vamos para casa.

O que você realmente deseja fazer com sua vida? OK, o que você está esperando... FAÇA!

 

 

Paz e amor para todos,

 

Rui Fragassi

 

 

 

PARTE 1 - PARTE 2 - PARTE 3 - PARTE 4

 

 

 

Menu de artigos da seção David Icke

Como Ser Uma Pessoa Programada

Caminhos a Seguir: Fascismo Ou Liberdade? Parte 1

As Mensagens da Água

Seja um colaborador do site

Página Principal