SOLARES (2)

 


O texto abaixo é uma canalização! Para quem não sabe do que se trata, eu digo que é a recepção de mensagens espirituais! São mensagens que estão aqui disponíveis apenas para você ler, ou para pensar, ou para não gostar, ou simplesmente para distribuir por aí! - Marco Antonio


Olá, seres da Terra!!!!!

Seu lar é magnífico e isto nos deixa intrigados com uma série de coisas! Uma delas é: por qual motivo vocês ainda preferem destruir este planeta em lugar de admirá-lo e cuidar dele como se cuida do jardim de uma casa? Vocês são preenchidos por alma e, no entanto, parece que perderam a sensibilidade.

Suas músicas são bonitas, embora hajam aquelas ditas esquisitas, mas ainda assim são bonitas. Vocês pintam quadros muito representativos e se relacionam com a arte com muita facilidade. O que os faz ser tão insensíveis a ponto de se gerar países onde a miséria mata seus habitantes? O que os faz declarar guerra e matar seus irmãos? Quem disse a vocês que uma religião ou língua ou cor ou sexualidade ou seja lá o que for que se diferencie de vocês é motivo mais do que certo para desencadear uma briga ou guerra?

Será que suas descobertas genéticas já não foram suficientes para provar que vocês são idênticos independente das culturas a que pertençam? As diferenças são tão ínfimas que desencorajam qualquer argumento, mas vocês insistem na discórdia!

Se não fosse esta questão genética tão certa, ainda assim há um outro motivo básico para que se respeitem: O Criador! Ele está presente em cada um de nós, sejamos vivos ou mortos!

Quem são vocês para se matarem em nome de um Deus que mal vocês sabem quem é? Quem são vocês para se acharem donos de tanta verdade? Acaso esqueceram que no fundo todos nós somos originários da mesma massa universal? Acaso vocês esqueceram que a mesma força que anima seus corpos é aquela que se entranha dentro de uma rocha ou no oceano? Como podem invocar uma força tão poderosa para justificarem seus desmandos e suas insanidades?

Pensem em seus artistas! Olhem suas obras, saciem-se nelas e percebam o que eles desejam mostrar a vocês por meio delas. Não valorizem o custo da obra, mas a mensagem que está sendo transmitida através dela. Busquem seus artistas onde estiverem e quanto mais ligados eles estiverem às raízes de sua cultura mais farta será a mensagem, o que não invalida a obra daqueles que falam usando a linguagem de outros povos que não os deles.

Construam um mundo melhor falando a linguagem de sua cultura sem se deixar contaminar pela xenofobia. Apenas aprendam os verdadeiros significados da cultura local e mostrem para as demais culturas e troquem informações e hoje isto é muito mais simples. Em lugar de ouvir, ler e ver apenas o que pedem para que seja consumido, busquem ali ao seu lado o que ocorre. A afirmação de suas culturas torna as pessoas mais ricas e prontas para trocarem informações com outras culturas. Só uma estrutura doentia como a que permitiram que fosse montada é que cria a noção de xenofobia e segregação. A cultura da humanidade deve estar acima de suas disputas egocêntricas e por isto deve-se fortalecer para aos poucos dissolver esta noção doentia de que só a separação é que vale algo neste mundo.

Todo ser humano é um artista nato! Ele sabe exatamente a obra que irá compor ao longo da vida. Este é seu destino: compor com sua vida uma sinfonia ou uma ópera ou um balé! Quanto mais brilhante for a obra, mais perto o artista está de expressar sua verdadeira intenção artística.

Agora, fica a pergunta: a obra que se está criando na vida de cada um de vocês é realmente uma expressão de suas verdadeiras intenções?

Por que será que tantos líderes religiosos e outros tantos seres iluminados que estiveram andando sobre a Terra sempre disseram que a paz começa dentro de seus corações?

Olhem ao seu redor! Desfrutem da beleza que ainda existe e persiste em seu planeta. Percebam como todos os seres se acomodam perfeitamente em seus diversos ambientes. Não há nada de surpreendente nisto. Cada ser sabe sua função e não se esquiva dela. E vocês? Se esquivam ou persistem no caminho original?

Que tal voltar para a obra de arte original? Ás vezes só falta um retoque e ela já se apresentará perfeita!

Estejam em paz!!!!


Data da canalização: 25 de Dezembro de 2001


NOTA: os seres envolvidos neste projeto desejam apenas que este trabalho seja feito exclusivamente em língua portuguesa! Por qual motivo? Nem eu sei!

Você é livre para copiar quaisquer dos textos apresentados, mas não deve traduzir para outra língua e nem assinar seu nome como sendo autor do texto! Eu sou apenas aquele que serviu de veículo para que estes textos se materializassem. Eu não assino estes textos como autor... No máximo como... Colaborador.


Divulgue a vontade!

Marco Antonio

Se quiser me conhecer mais:
www.sagradacura.hpg.com.br
http://br.geocities.com/buluccib

http://dobra9.blogspot.com/

Meu e-mail:
inlakechbr@yahoo.com.br


 

Menu de Artigos da Seção Pensamentos

Página Principal